O aplicativo sobre os sistemas de abastecimento de São Paulo obtêm, através de um programa, dados de nível dos reservatórios e precipitação do site da Sabesp. Para obter estes dados, a técnica utilizada foi a raspagem, ou scrapping como é conhecido em inglês. De maneira resumida, o que fizemos foi um código em linguagem JavaScript, que permite que a cada atualização no site da Sabesp esteja sincronizada com nossa base de dados.

A visualização utiliza a biblioteca D3 (Data Driven Documents), que também é baseada em JavaScript. Ela permite também a filtragem dos dados por períodos específicos de tempo.

O trabalho foi inspirado pela visualização realizada pelo estúdio Jurema há duas semanas. Nossa contribuição é exatamente permitir uma análise da série histórica dos dados sobre os reservatórios

Segue aqui o o código-aberto da aplicação: https://github.com/oeco/mananciais

Filtro

Dados